Está na altura de ires para o teu quarto, filho. O bebé está a crescer!

Está na altura de ires para o teu quarto, filho. O bebé está a crescer!

Jan 26, 2022

 
Preparar o quarto do bebé para a sua chegada é algo único na vida de cada mãe e pai. Ainda me lembro de todos os preparativos da altura do João Maria: a lista de necessidades, a pesquisa na internet dos artigos mais bonitos e económicos, a ida às lojas para escolher o enxoval, o momento em que montámos todo o quarto do João Maria e o dia em que ficou tudo pronto e contemplámos aquele sítio único da nossa casa… Passou a ser o sítio mais bonito da casa 😍 E eu sempre quis tanto que fosse também um sítio confortável para o meu filho,  um sítio que não tivesse medo, que se sentisse seguro! Mas a verdade é que o bebé nascendo não precisa do seu quarto! O habitual e usual em 99% dos casos é o recém-nascido dormir no quarto dos pais. Por volta do 5º/6º mês alguns pais já mudam o seu bebé para o quarto dele, outros somente por volta do 1º ano de vida; e há ainda aqueles que têm o seu filho junto a si, no seu quarto, tendo ele 2 ou 3 anos. São opções que são tomadas pelos pais, com os seus devidos motivos e não há o certo e o errado! 😇 Cada um de nós deve sentir-se bem com a decisão tomada e claro, ciente das repercussões da mesma.

QUANDO É A ALTURA IDEAL PARA O BEBÉ PASSAR PARA O SEU QUARTO?

Não tenho resposta para vos dar! Eu acredito que temos de nos sentir preparados enquanto pais. Tem de ser “aquele” dia! A maioria dos especialistas recomenda que seja após os 6-12 meses de vida (pelo risco de morte súbita) e quando o bebé já dorme pelo menos 5 a 6h seguidas e não mama tantas vezes no período noturno (seja aleitamento materno, seja artificial). Isto tambem para zelar pelo descanso da mãe (e do pai) que, de duas em duas ou de três em três horas tem de se levantar para dar de mamar ao bebé.

O NOSSO CASO…

O João Maria sempre foi um bebé que rapidamente percebeu a diferença entre o dia e a noite! Foi sorte? Não sei! Mas ele rapidamente entendeu que a noite era para dormir 😜 E ainda bem, porque eu vivo tão mal com a falta de descanso e vejo tantos casos desses no meu dia-a-dia profissional que não me imagino numa situação semelhante… Veremos com a Leonor 😳 A rotina que criámos com o nosso bebé ao deitar rapidamente lhe começou a transmitir a tranquilidade necessária para que o deitasse por volta das 20h30/21h (todos os dias) e dormisse até cerca das 4h30/5h, altura em que acordava e mamava, voltando a adormecer até cerca das 8h30/9h. No artigo «importância das rotinas no sono noturno do bebé») explico-vos que rotinas são essas e a sua importância em todos os bebés. Apesar de dormir bem, qualquer luz ou barulho diferente do habitual faziam com que o João Maria despertasse, sendo necessário colocar-lhe a chucha para que dormisse de novo. Não foram muitas as vezes em que isso aconteceu, mas foram as suficientes para que deixasse de me sentir bem até a virar-me na cama, com medo de o acordar! Acabava eu por não dormir bem naquelas circunstâncias 🤦‍♀️ Naquele dia (sem vos saber explicar bem o porquê de ter sido aquele dia) olhei para o meu marido e ambos concordámos que seria a melhor opção experimentar colocar o bebé a dormir no seu próprio quarto, no berço de grades. Agora questionam-me:
Ficaste nervosa? Dormiste mal nessa noite? Quantas vezes foste lá tapar o bebé? Confessa: ficaste no chão do quarto dele horas a fio a contemplá-lo na sua cama!
…..Não! Senti um friozinho na barriga, confesso, mas PORQUE FOI O DIA EM QUE ME APERCEBI QUE O MEU BEBÉ ESTAVA A CRESCER 😍 Fiquei ansiosa sim, com RECEIO QUE NÃO DORMISSE BEM ou ESTRANHASSE O NOVO BERÇO. DORMI LINDAMENTE! Finalmente não precisava de ter medo de me virar na cama e o acordar😛 E apesar de achar que não conseguiria dormir, só acordei quando ouvi o pequeno chorar através do intercomunicador 😛 Não o fui lá tapar, sabia que o tinha deixado dentro do saquinho de dormir e tapado com o lençol até às axilas, que não passaria frio e estaria quentinho toda a noite. É IMPORTANTE SENTIRMOS QUE DEIXÁMOS OS NOSSOS FILHOS EM SEGURANÇA, só assim ficaremos também bem! Só fui ao quarto do João Maria quando, pelo intercomunicador, me apercebi que ele tinha acordado 👶 Confesso: FIQUEI TÃO FELIZ QUANDO ACORDOU NESSA NOITE ❤️ Apeteceu-me despertá-lo e enchê-lo de beijos pelo orgulho que, tão pequenino já me conseguia dar com os seus progressos ❤️ E passados 7 meses desde que colocámos o nosso filho no seu quarto, ele passou a perceber que AQUELE ERA O SEU QUARTO, o local de dormir.  Não foi preciso muito para que o percebesse! Os bebés são mesmo assim: rapidamente reconhecem uma rotina, percebem o que vem a seguir e isso também lhes transmite outra segurança! 😍 Claro que, como qualquer criança, tinha noites (e ainda tem) em que despertava. Quando assim era eu ia lá ao quarto onde tinha uma cadeira e lhe dava de mamar. Voltava, depois a deitá-lo e ele dormia até cerca das 7h30.  Já lá vai o tempo em que dormia até às 9h 😂

CURIOSIDADE

Sabiam que o quarto do bebé não deve ser um local de brincadeira, mas sim de dormir?

A maioria dos especialistas recomenda que, de facto, o bebé para entender que aquele espaço é um espaço destinado a dormir, não deve ser um local de brincadeira. Guardemos esses momentos para outros espaços da casa, como a sala ou quartos específicos de brincar (para quem tem casas grandes com muitos quartos) :)
E vocês, já passaram o vosso bebé para o quarto dele? Se ainda não o fizeram, quando pensam fazê-lo?

17 Comments

  1. Cristina Silva

    Olá, eu tenho 2 filhos, 1 menino com 3 anos e 1 menina com 4 meses. Ele ainda dorme no nosso quarto no berço dele e ela também mas no Next to me. Em 2 anos nunca tivemos uma casa com possibilidade de fazer um quarto pra ele porque até 1 ano estivemos na casa da minha mãe não dava, até aos 2 tivemos numa casa T1 também não tinha como mas hoje em dia temos uma casinha T2 e já dá. Só o quero passar pro quartinho dele porque ele também merece o descanso dele visto a irmã só ter 4 meses e de vez em quando acordar de noite mas está a ser muito difícil pra mim ter de o passar pra lá preferia mil vezes que ele continua se lá no nosso quarto mas lá está ele merece o seu descanso e porque também este ano já vai pra escola então precisa mesmo ter o descanso certo porque se não tem é um mau feitio . Mas ainda nem acabei de montar o quarto e a minha ansiedade já bate forte de como vou fazer para o passar pra lá, como vai correr, como eu me vou sentir ao ter de fazer. São mil perguntas sem respostas. Estou com medo e de certa forma triste por ficar sem o meu bebê no quarto pois desde que ele nasceu que está a 100% comigo e vai me ser muito difícil o passar pró quarto e o deixar lo na escola…

    Reply
    • Enf Andreia

      Olá Cristina, a mudança do bebé de quarto é algo que deve ser uma decisão ponderada e do casal. Só vocês vão sentir o momento como certo. Podemos ajudar se precisarem de nós :)

      Reply
  2. Sandra

    Olá, a minha filha já têm quase 2 anos e ainda dorme comigo, adora maminha e durante a noite pede 1 a 2 vezes. Pelo que vejo e sinto ela ainda não quer dormir sozinha, a noite é para dormir com a mamã e com a maminha. Não sei se consigo pô-la a dormir sozinha no quarto dela. Pode me dar algum conselho?

    Reply
  3. Catarina

    Adorei o artigo! Estou a 2 meses de regressar ao trabalho e tenho tido alguma dificuldade em organizar ideias e mentalizar-me que o dia está quase aí. Talvez ainda seja cedo de facto, mas a extracção e armazenamento do leite, passar o bebé para o seu quarto, decidir com quem vai ficar (todos os avós fazem questão, por sorte, todos reformados).
    Li algures que ajudaria começar, nesta altura, a fazer as suas sestas diurnas ja no quartinho para ele se habituar aos cheiros, temperaturas etc. Mas às vezes custa só para adormecer e fazer essas sestas diurnas, que tenho medo de o acordar e assustar ao transferi-lo para lá, ou que seja traumático tentar adormece-lo lá, já que não conhece bem aquele espaço. Tem alguma orientação ou sugestão? Concorda com esta ideia?

    Reply
    • Enf Andreia

      Olá querida Catarina. Que bom que o artigo a ajudou ou vai ajudar. Fico feliz :)
      Temos realmente muito para pensar, nada fácil a maternidade! :D Mas é o melhor do mundo!!
      Quanto aos sonos, haja com naturalidade, identificando os sinais de sono (tem artigo sobre o tema aqui no blog). Pode tentar utilizar uma fralda de pano com o seu cheiro e colocá-la por baixo do bebé, bem presa à cama de forma a não se tornar um objeto solto e arriscado, para que o bebé pouse a cabeça e cheire o cheirinho de quem conhece tão bem e o conforta :D
      Espero ter ajudado! Um beijinho grande

      Reply
  4. Lidia Ferreira

    Por aqui bebé com 4 meses e meio a dormir no next to me, no nosso quarto! Já falei com o papá e vamos tentar mudança para o quarto dele aos 5 meses =) precisamente por nos sentirmos presos a cama pois cada movimento nosso ele reage :sweat_smile: para já acorda 1 a 2x por noite para mamar…vamos ver como corre

    Reply
    • Enf Andreia

      Temos de nos sentir preparados querida Lidia. Compreendo perfeitamente. Como viu no nosso caso foi esse o grande motivo de mudarmos o joão maria de quarto. Claro, aliado ao facto de já dormir muito tempo seguido durante a noite :) obrigada pelo testemunho! Depois conte como correu :) Um grande beijinho

      Reply
  5. Lucilia Pereira

    A minha filha tem 11meses e dormi cmg no meu quarto na caminha dela, eu tenho medo de deixar ela no outro quarto, por enquanto porque ainda não fala, mas assim que ela começar a falar mas coisas vai para seu quarto que é partilhado por mano. :heart::heart::heart::heart:❤

    Reply
    • Enf Andreia

      A altura certa não existe querida Lucilia, cada um de nós tem o seu momento :) Obrigada pelo seu comentário e por esta partilha maravilhosa!! Um beijinho

      Reply
  6. Célia Miranda

    O meu pimpolho tem 13 meses,mas ainda está no quarto dos pais!O irmão mais velho só foi para o quartinho dele aos 2 anos,foi quando me senti segura(foi um bebé com muitas bronquiolites, amigdalites….enfim).O mais novo tem sido saudável,mas ainda acorda 4 vezes de noite para mamar…para poder descansar mais um pouco ainda nao o coloquei no quarto dele…

    Reply
    • Enf Andreia

      São felizes dessa forma porque motivo alterar isso? Há tantos fatores a influenciar! Obrigada Celinha pela partilha :)

      Reply
  7. vanessa

    o meu filho sempre foi um bebe de dormir muito e a noite toda! mas so o passei aos 18 meses e nessa noite a cama passeou no corredor de casa fui la deixa lo entretanto era meia noite e eu não adormecia faltava me algo fui busca-lo e trouxe de novo a cama ele dormia profundamente nem acordou :yum:! no dia seguinte ganhei coragem e deixei-o la e hoje tem quase 4anos com uma irma a caminho e se acordar a meio da noite ele vem enfiar-se na nossa cama ! :grin::grin:

    Reply
    • Enf Andreia

      Ohhh que maravilha :) O que eu me ri ao imaginar a cama a passear pelo corredor :) Obrigada vanessa pela partilha! :)

      Reply
  8. Flavia Marques

    O meu filho ainda acorda de 4 em 4h ou no máximo dos máximos de 5 em 5h. Nós intervalos pede várias vezes a chucha. Acho que mudando de quarto seria extremamente cansativo mas também já sinto falta de dormir sem me importar se o vou acordar ou não quando me mexo.

    Reply
    • Enf Andreia

      Era esse o meu maior problema. Sentia-me presa à cama, com pouco descanso sempre alerta. Agora estou igualmente alerta, porque ele faz um “ai” e eu acordo com o intercomunicador :) Mas parece que me sinto a descansar melhor por saber que não o acordo, eu ou o pai. Obrigada Flávia pela partilha :)

      Reply
  9. Ana Sofia

    Adorei o artigo:heart_eyes:
    Concordo que o mais importante é respeitar o momento de cada mamã e papá.
    Nós só conseguimos mudar o nosso bebé qundo ele fez um ano.
    Obrigada ❤

    Reply
    • Enf Andreia

      Obrigada eu Ana Sofia. É encantador ver o vosso feedback, as vossas partilhas! Sabe verdadeiramente bem sentir o vosso apoio e, sobretudo, passar a mensagem e a segurança necessária a cada uma de vós. Estamos verdadeiramente juntas neste barco :)

      Reply

Submit a Comment

O seu endereço de email não será publicado.

× Podemos ajudar?